....

"A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida"
( Vinícius de Morais)

24 agosto 2013

Por que será?

Sentir raiva não é de todo o mal quando se é claro o motivo. Não é raiva do mundo, é da vida que se leva. Que  espreme, cala, sufoca. Aquela borracha que vem disfarçada de 'novo tempo' ou amor,  querendo apagar toda uma história, jeitos, sorrisos e defeitos. Era mais fácil respeitar o que ainda não se conhecia de verdade. Por que será? A verdade é que o descontentamento curva-lhe os ombros e lágrimas rolam por permitir que assim lhe façam. Seria melhor parar de perguntar pra vida de onde tirar coragem?  É preciso encontrá-la urgente. Se encontrar.