....

"A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida"
( Vinícius de Morais)

28 agosto 2009

Toda enfiada...cara no chão!






Há um bom tempo, por insistência de um colega de trabalho, visualizei um vídeo no youtube, da tal professorinha dançando, desculpe, aquilo não é dança, apenas uma exibição infortuna e impensada de urgências do baixo- ventre reprimidos. Um cenário por mim desprezável da vida musical baiana- o pagode( com letras de dublo sentido). Falo sim! Bem feito! Adorei! Uma mulher de vestido de oncinha se saculhejando com as pernas abertas aos clicks de celulares e olhares não daria outra. Quer processar o youtube?! Que moral? Melhor, falta dela! Assuma! " Ser negão é massa!" Não era pra dançar " toda enfiada"?!


Sua vida acabou com quase 1 milhão de acessos?! Problema seu e de seu teor de álcool! O que não é desculpa para falta de vergonha. Ou você é ou não é! O que ficou chato e feio foi o fato de não ter cobrado pelo streep tease na casa de shows! Admiro as prostitutas por isso, fazem o serviço e não perdem o profissionalismo: cobram!


Uma professora de alfabetização tão mal informada?! Não viu os fleshs?! Nunca ouviu falar em youtube?! Não subiu no palco pra mostrar o " todo enfiado"?! Paciência tem limite! E se mudou pra Ribeira pra quê?! Humm...a banda vai tocar por lá, não é?! "Se não aguenta, pra que veio, heim, piriguete"?! Nem esse termo você merece, inconsequente! Quer se divertir no pagode ou fazer sexo?! Pobre estabelicemento, pobre professorinha...
Tente acessar o vídeo na íntegra...vás dar razão à escola que a afastou das turmas da alfabetização. Diga o que ouves e eu te direis quem és!!!!!!!